Manter uma estratégia de TI eficiente é uma forma de reduzir custos e aumentar a competitividade das empresas. Nesse sentido, tecnologias como Cloud Computing (computação em nuvem) oferecem vantagens como acessibilidade, praticidade e mobilidade.

Com a tecnologia em nuvem, é possível acessar remotamente programas e serviços de qualquer lugar, realizar atualizações e backups de forma automática e diminuir gastos com infraestrutura de rede sem precisar instalar softwares em computadores.

Para implementar uma estratégia de TI com cloud computing, é preciso avaliar os recursos inerentes ao processo, analisar as possibilidades oferecidas no mercado e gerenciar a infraestrutura de forma eficiente.

Neste artigo, vamos explicar como o cloud computing tem influenciado as estratégias de TI das empresas. Continue a leitura!

Como o cloud computing influencia o setor de TI?

Ao mesmo tempo em que serviços em cloud diminuem a complexidade da tecnologia de informação, exigem a constante busca por conhecimentos técnicos e atualização pelos profissionais.

É de responsabilidade do setor de estratégia de TI gerir a conectividade da empresa com a infraestrutura de rede e as unidades do negócio, como filiais, parceiros e departamentos da organização.

Além disso, os gestores de TI devem implementar soluções que administrem conjuntamente o grande volume de informação evidenciado pelo Big Data, assim como profissionais capacitados pra analisar os dados disponibilizados: segundo o McKinsey Global Institute, a falta de pessoas com esse tipo de competência ultrapassará 190 mil pessoas até o fim de 2018.

Quais as vantagens da nuvem para estratégias de TI?

Confira quais as principais vantagens de se instituir uma estratégia de TI voltada para a computação em nuvem:

  1. diminui gastos nos processos, principalmente, aqueles relacionados ao licenciamento de softwares;
  2. possibilita atualização automática pela conexão direta a rede;
  3. aumenta a integração de equipes por meio de ferramentas de comunicação que reduzem os custos com sistemas internos e dão mobilidade operacional;
  4. ganho de agilidade aos projetos, executados em um ambiente mais colaborativo;
  5. facilidade de desenvolvimento de processos de trabalho fora do ambiente organizacional, como o home office;
  6. ganho de mobilidade por meio de operações realizadas em vários ambientes;
  7. agilidade e facilidade em executar serviços de suporte;
  8. versatilidade que possibilita a adaptação a vários perfis de negócio;
  9. alta performance e flexibilidade;
  10. maior segurança e privacidade para realizar a troca de arquivos e armazenamento de dados.

O que verificar para implementar essa estratégia de TI?

  • se o provedor oferece suporte e atualizações automáticas;
  • a disponibilidade de conexão com a Internet;
  • as estratégias que serão implementadas para garantir a segurança da informação;
  • a possibilidade de criação de um SLA (Service Level Agreement) que garanta a rastreabilidade de falhas entre outros planos de contingência;
  • o controle de acesso dos usuários para lançar dados, modificá-los ou transportá-los.

Como escolher a parceria correta?

Contrate fornecedores com um histórico de serviços de qualidade e solidez no mercado, já que é preciso verificar se as ferramentas estarão disponíveis em longo prazo para que informações não sejam perdidas.

Além disso, é preciso garantir a segurança da informação, para que vulnerabilidades não atrapalhem a implementação da estratégia de TI, que deve  oferecer um alto retorno de investimento sobre as soluções em Cloud Computing disponibilizadas.

A CBCloud possui profissionais experientes e conta com uma metodologia própria baseada em melhores práticas de mercado: mapeamento das necessidades dos clientes, pontos de desconexão dos processos e rotinas que possam ser otimizadas.

Quer fazer mais pela sua empresa e se adaptar a esse novo momento impulsionado pelo avanço da tecnologia? Entre em contato agora mesmo com a CBCloud!